sexta-feira, 5 de abril de 2013

Por que não podemos vender nossos órgãos?


E quando à política de doação de órgãos dos Estados Unidos, baseada na crença inabalável de que o altruísmo atenderá à demanda – será que está dando certo?

Não muito. Hoje, nos Estados Unidos, 80.000 pessoas estão na fila de espera por um rim, mas apenas 16.000 transplantes serão realizados este ano* (texto de 2010) o hiato torna-se cada vez maior. Mais de 50.000 candidatos a receptores morreram nos últimos 20 anos, com pelo menos 13.000 saindo da lista de espera, por se tornarem doentes demais para resistirem à cirurgia.

Se o altruísmo fosse à resposta, a demanda por rins seria atendida pela oferta imediata de doadores. Mas não tem sido assim. Essa situação levou algumas pessoas – inclusive, o que não é surpreendente, Gary Becker** - a sugerir o desenvolvimento de um mercado bem regulado de órgãos humanos, no qual os doadores em vida receberiam compensação em dinheiro, bolsas de estudo, isenções fiscais, ou outras formas. Até agora, a proposta tem sido rejeitada com repugnância generalizada e, por enquanto, parece politicamente inviável.

Lembre-se de que o Irã regulou um mercado semelhante quase 30 anos atrás. Embora esse mercado tenha suas falhas, qualquer pessoa no país que precise de transplante de rim não fica em fila de espera, pois a demanda tem sido plenamente atendida. O americano médio provavelmente não considerará o Irã um país de mentalidade avançada; no entanto, algum crédito merece o único país do planeta que reconhece o altruísmo pelo que é – e, muito importante pelo que não é.



*Trecho retirado do livro SuperFreakonomics publicado em 2010.

** Gary Becker http://pt.wikipedia.org/wiki/Gary_Stanley_Becker


----------------
---------------


Se tem algo que ainda não tinha parado para pensar era a questão da “doação x venda de órgãos”. Todavia, lendo este livro e alguns artigos e opiniões sobre o caso, resolvi, mesmo que ainda de formas simples, pensar/questionar/opinar sobre o tema, que, pelo visto, é um dos maiores tabus da “sociedade moderna ocidental”.

Talvez o maior questionamento sobre a venda seja o mais frágil, que é a “ética” e a (falsa) noção de solidariedade/altruísmo humano, que existe, evidente, mas, não da forma que se idealiza.

A questão da “ética” é algo que pode ser mutável. Um exemplo simples: Você pode passar por cima da sua ética e fazer algo que julga errado para defender ou ajudar alguém por quem tem apreço. Uma mãe (“de verdade”) faria qualquer coisa (qualquer coisa mesmo) por um filho, ignorando totalmente o que é “certo”, “errado”, ética, etc.

Então, no caso da doação, nada mais justo que passar por cima da “ética” e comprar (ou vender) um órgão para salvar (ou tentar) a vida de alguém, convenhamos o direito a vida é algo (com exceções) praticamente incontestável. Ahhh sim, sinceramente não sei até onde existem impedimentos religiosos, que não necessariamente estão diretamente ligados à ética, sobre o caso, mas, enfim, o Estado é laico (pelo menos espero).

Outro argumento que possa aparecer seria o de que, caso houvesse a liberação da venda, o sistema (falando de Brasil) de saúde não seria capaz de comportar o grande número de operações. Porém, nesse caso, seria um problema de estrutura e não da ação em si, se não (possivelmente) haveria a capacidade para comportar as operações é porque o nosso sistema está “preparado” para “salvar” um número limitado de pessoas.

Outro questionamento contrário bastante usado é o de que a liberação causaria a “mutilação” e o incentivo a pessoas mais pobres a venderem seus órgãos. O que é verdade. Porém, qual seria o problema? Vejamos...De forma sincera e baseado na realidade em que vivemos, a venda de algum órgão (rim, fígado, etc.) talvez diminuísse a expectativa de vida do vendedor, no entanto, boa parte das pessoas (pobres) que poderiam vir a vender já possuem (devido a desigualdade social, principalmente) uma baixa expectativa de vida, então a ação não mudaria em nada, ou melhor, a pessoa, com o dinheiro, poderia sair da “faixa de miséria”. Realmente, talvez não seja muito “ético” a atitude, mas, é “ético” passar fome? Não ter onde morar? É evidente que as pessoas não devem se submeter à venda de um órgão para ter o que comer, porém, infelizmente, a realidade não é essa, e medidas poderiam ser tomadas paralelamente a possível liberação, para melhorar e trazer mais dignidade (o que é obrigação dos administradores) as pessoas fazendo com que não fosse necessário vender.

Isso sem contar que a venda talvez pudesse servir como um “tapa na cara da sociedade”. Talvez já não choque mais alguém roubando para arrumar o que comer, pelo contrário, em alguns casos existe a revolta contra o “ladrão”. Mas já pensou alguém deixando claro que vendeu uma córnea (perdeu a visão de um olho) para comer. Seria significativo, não?. Isso sem contar que é inegável a existência de um “mercado negro” que é prejudicial tanto para quem vende como para quem compra, pois as operações (em alguns casos) são feitas em lugares sem a estrutura necessária.

Também fala-se muito sobre o fato de a partir do momento em que órgãos sejam vendidos só os mais ricos poderão comprar e serão beneficiados nisso. Em partes, sim. Porém, vale lembrar que se existe algo universal é a doença e que nas filas dos transplantes estão ricos e pobres, então a partir do momento em que se é liberada a venda a pessoa (rica) que comprar, sairá da fila, abrindo espaço para uma mais pobre. Até porque o órgão comprando já não seria doado mesmo. E também é evidente que a doação gratuita de órgãos continuaria existindo, existem pessoas altruístas, isso é fato. E assim... porque não,poderia ser regulamentado que, em caso de pessoas mortas (com possibilidade de doação), esse órgão não poderia ser vendido, apenas doado (como já ocorre atualmente).

Ampliando um pouco, creio que além de órgãos, o sangue também poderia ser vendido ao invés de apenas doado (claro, por um preço mais módico), por que não? É claro e notório que há um déficit de doação de sangue (mesmo sendo algo simples, fácil e positivo), então por que não comprar? Ou mesmo incentivar (financeiramente) que as pessoas com o sangue mais raro (-o), seja mesmo negociado? Quantas pessoas será que já não morreram por falta de sangue, ou mesmo que não tenham morrido, ficaram dias e dias em um hospital a espera de sangue sendo que o custo gasto na sua estadia no local poderia ser investido na compra do sangue que serviria para mais de uma pessoa.

Não vejo essa realidade levantada (não imposta) como “certa” ou ideal, no entanto, é algo real e que poderia ser útil. E também é evidente que ninguém iria montar uma barraca no centro da cidade com a placa “vendo rins, fígado e até um testículo, tratar aqui mesmo”, ou iria vender qualquer coisa que poderia vir atentar contra sua vida (como um coração), porém, há meios (até simples) de o que foi falado ocorrer... e que, talvez, ajudaria a salvar vidas... O objetivo não é esse?


Abaixo alguns links que tratam sobre o tema>

http://oglobo.globo.com/mundo/relatorio-pede-pacto-da-onu-contra-venda-de-orgaos-no-mundo-3156172


http://blogs.estadao.com.br/marcos-guterman/venda-de-orgaos-para-transplante-e-a-solucao/?doing_wp_cron=1365202574.7456231117248535156250

http://eventos.uenp.edu.br/sid/publicacao/artigos/31.pdf

http://super.abril.com.br/saude/se-venda-orgaos-fosse-legalizada-447505.shtml


“Os homens quando não são forçados a lutar por necessidade, lutam por ambição”. Maquiavel

8 comentários:

  1. vendo um rim medula pedaço do figado ovulos ou alugo minha barriga sou saudavel nunca tive vicios nao bebo 27 anos dispenso curiosos aceito carro ou imovel falo serio carol26milsp@gmail,com valor a combinar 9 65814399 chame whatsapp nao pago taxas todas as dispesas por conta do comprador .

    ResponderExcluir
  2. Bem-vindo ao médico da clínica walter. Você quer vender seu rim ou outros órgãos se sim candidatar-se a uma venda hoje e você vai ser dada a máxima satisfação que você precisa Contacte-me via e-mail: doctorwalterclinic@gmail.com

    ResponderExcluir

  3. Bem-vindo ao hospital médico solomon. Você quer vender seu rim ou outro
    Órgãos, se sim, aplicar para uma venda hoje e você será dado o máximo
    Satisfação que você need.Contact me via email: doctorsolomon1234@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Bem-vindo ao Hospital Geral de Toronto, Hospital Especialista que compra rim ($ 370,000.00 Dollars), Você deseja vender seu rim em troca de dinheiro? Se sim, em seguida, contacte o médico Anthony Craig hoje para obter uma transação confiável e bom para um bom dinheiro e para uma cirurgia melhor, contacte-nos Via: torontogeneralhospital@aol.com

    Esperando o seu responde ... ..
    Cumprimentos….
    Dr. Anthony Craig

    ResponderExcluir
  5. I Isto é para informar o público em geral Masculino ou Feminino que são saudáveis ​​e 100% sério na compra ou venda de rim. Você deve contactar urgentemente o Nathan Kidney TRANSPLANT HOSPITAL. Como temos muitos pacientes que estão aqui para transplante de rim, você está procurando por uma oportunidade de vender seu rim por dinheiro devido a desagregação financeira e devemos oferecer-lhe $ 500,000.00 USD por seu rim. Meu nome é Doctor Victoria Herbert Newton, eu sou uma Nefrologia no Nathan Kidney TRANSPLANT HOSPITAL. Nosso hospital é especializado em cirurgia do rim / transplante e outro tratamento de órgãos, também lidamos com a compra e transplante de rins com um doador vivo e saudável. Estamos localizados na Índia. Nigéria, Emirados Árabes Unidos, EUA e todas as partes do país. Se você está interessado em comprar ou vender rim por favor, não hesite em contactar-nos através de: +2348113311506 or +16313154076 ou envie-nos um e-mail. Dr.r.samuelbansal@gmail.com. Nota: Internet há muitas pessoas com motivos diferentes. Por favor, seja sincero e verdadeiro, não somos filhos, trata-se de salvar vidas de outros. Fraude não é aceito, por favor. Cumprimentos...

    ResponderExcluir
  6. Você está interessado em comprar ou vender um rim? Você está procurando uma oportunidade de vender seu rim por causa do problema financeiro e você não sabe o que fazer, então entre em contato conosco hoje, pois ofereceremos uma boa quantia para o rim. Sou Dr.SJ Hari Darshan, nefrologista da Rajarajeswari Medical College and Hospital. Somos especializados em cirurgia de rim e também lidamos com a compra e transplante de rim com um dador de vida. Estamos localizados na Índia, Turquia, Nigéria, EUA, Malásia e
    Scottland Reino Unido. Se você está interessado em vender ou comprar rins, entre em contato conosco via
    Email: rajarajeswarimedicalcollegeplc@gmail.com ou rajarajeswarimedicalhospital@yahoo.com.

    ResponderExcluir
  7. Isto é para informar o público em geral Masculino ou Feminino que é saudável e 100% sério na compra ou venda de rim. Você deve contactar urgentemente o Nathan Kidney TRANSPLANT HOSPITAL. Como temos muitos pacientes que estão aqui para o transplante de rim, você está buscando uma oportunidade de vender seu rim por dinheiro devido a desagregação financeira e nós oferecemos US $ 500,000.00 USD por seu rim. Meu nome é Doctor Victoria Herbert Newton, eu sou uma Nefrologia no Nathan Kidney TRANSPLANT HOSPITAL. Nosso hospital é especializado em cirurgia do rim / transplante e outro tratamento de órgãos, também lidamos com a compra e transplante de rins com um doador vivo e saudável. Estamos localizados na Índia. Nigéria, Emirados Árabes Unidos, EUA e todas as partes do país. Se você está interessado em comprar ou vender rim por favor, não hesite em contactar-nos através de: whatsapp: +2348113311506 ou envie-nos um e-mail. Dr.r.samuelbansal@gmail.com. Nota: Internet há muitas pessoas com motivo diferente. Por favor, seja sincero e verdadeiro, não somos filhos, trata-se de salvar vidas de outros. Fraude não é aceito, por favor. Cumprimentos...

    ResponderExcluir
  8. senhor addison

    addisonfinancialorporation@gmail.com
    Prezado Senhor / Senhora, quer vender seu rim? Você está procurando um
    oportunidade de vender seu rim por dinheiro devido a desagregação financeira e você não sabe o que fazer, então entre em contato conosco hoje e devemos oferecer-lhe um bom montante para o seu rim. Contate-nos Email: addisonfinancialorporation@gmail.com

    ResponderExcluir

É o verbo...